26/01/2014

Only Best Friends: Capítulo 25 - Definitely a monster

| |
Só o que eu quero é ser o suficiente para você, 
mas nunca consigo - John Green
A culpa é das estrelas 
Katherine Collins POV

- Co-Connor? - gaguejei
- Euzinho! - sorriu
- O que faz aqui?
- O que faço aqui? É a festa da minha irmã, Kath - riu -Mas... admito que vim mais por sua casa, sabia que viria
- O que quer comigo? - perguntei tentando soltar meu braço, porém Connor era bem mais forte do que eu e isso não ajudava em nada
- Terminar o que começamos - ele sorriu malicioso arqueando a sobrancelha. Minhas pernas fraquejarem e meus olhos já estavam repletos de lágrimas - O que acha?
- Por favor não. Me deixe em paz Connor! - implorei. Ele negou com a cabeça e me empurrou para dentro do banheiro, o desespero tomou conta de mim por completo. Eu poderia gritar o mais alto que eu pudesse, mas a música no andar debaixo estava muito alta e ninguém iria me escutar. Connor me olhava com um desejo enorme, era muito pior do que a primeira vez - ME LARGA CONNOR! - gritei chorando
- Jamais - ele sussurrou em meu ouvido e tomou meus lábios. Eu fazia de tudo para não corresponder aos seus beijos, mas conforme eu fazia isso, ele apertava mais o meu rosto. Suas mãos percorriam por todo o meu corpo e eu usava toda a minha força para empurra-lo. Só que nada ajudava quando minhas forças havia ido quando eu o vi novamente, quando tudo que eu fazia era implorar para ele parar e chorar. Connor segurou minha cintura e me colocou em cima da pia, assim que ele se distraiu chutei a boca do seu estômago e sai correndo do banheiro, porém não consegui chegar nem perto da escada.
Ele me abraçou por trás e me segurou no ar, fazendo o caminho de volta para o banheiro. Me repouso na pia novamente e começou a levantar meu vestido
- Connor... não faça isso por favor!
- Fica quietinha - ele disse depois de ter tirado o meu vestido
- Você acha mesmo que dessa forma irá conseguir algo comigo? - perguntei em um sussurro. Ele parou de alisar minhas pernas e olhou em meus olhos - Nada do que você faz me atrai, você me da nojo, nunca soube receber um não.
- Eu disse para você ficar quieta - segurou meu rosto entre seu polegar e indicador. Seus lábios foram de encontro com meu pescoço e eu apertei meus olhos tentando não pensar no que ele fazia
- Eu odeio você - em meio as lágrimas eu disse - Eu odeio tanto você...  - novamente ele parou de fazer o que fazia para me olhar nos olhos, então eu senti o meu rosto arder quando ele me lançou um tapa na bochecha. As lágrimas escorrendo livremente, porém eu não soltaria um soluço muito menos um gemido de dor
- Não entendeu que eu mandei você ficar quieta? - ele começou a tirar seu cinto e depois sua calça, não tinha mais jeito, se eu gritasse ele me bateria. Então... eu tinha que deixa-lo fazer o que quiser comigo. Enquanto ele puxava minha calcinha eu sentia um enorme nó formando em minha garganta, seu toque fazia meu corpo estremecer. Foi quando ele tirou sua cueca que meu choro se tornou alto e compulsivo, Connor não pararia por mais alto que eu chorasse e querendo ou não eu teria que me conformar com aquilo

Joseph Willian POV

Já fazia um bom tempo que Kath tinha ido ao banheiro e eu continuava a esperar sentando. Decidi, por fim, procurá-la, talvez ela poderia estar conversando com Justin ou simplesmente entalou no vaso, vai saber não é mesmo?
O DJ tocava um remix de Work Bitch e as pessoas dançavam animadamente, desde o começo da festa. Ali no andar debaixo, Katherine não estava. Mas encontrei Chloe ao conversando com Jace, me aproximei deles
- Chloe você viu a Kath?
- Não, a última vez que a vi ela estava conversando com você
- Eu sei, ela disse que iria ao banheiro, mas isso já faz um bom tempo
- Ela não esta com Justin? - neguei. Ela se virou para Jace e disse que me ajudaria a procurá-la, ele assentiu e lhe deu um selinho. Por fim, saímos a procura dela.

Justin Bieber POV

Estava sentado no sofá que havia de frente para a pista de dança, pensando o por que de Katherine não entender que eu odiava vê-la com o Joseph. Meus motivos de não gostar dele são óbvios; Joseph sempre a faz sorrir e isso me mata, por que a minha felicidade depende de faze-la feliz. E... ás vezes sinto que não estou dando conta disso, ás vezes sinto que não sou o suficiente ou que o meu melhor não é o melhor para ela, entende?
Eu odiava ignorar ela, mas não conseguia agir normalmente enquanto outro cara a fazia sorrir. Eu tinha em mente o quanto Katherine ficaria brava comigo, só que dessa vez ela teria que tentar entender o meu lado.
Procurei-a com os olhos mas não a encontrei, franzi o cenho quando vi Chloe e Joseph andando de um lado para o outro desesperado, me levantei e abordei eles
- O que aconteceu?
- SEU IDIOTA! - Chloe gritou e socou meu peito, deu um pulo com seu ato e a encarei perplexo - Por que você não cuida da sua namorada?
- Do que você ta falando, menina?
- A Katherine, Justin - falou Joseph - Ela sumiu
- Sumiu? - perguntei incrédulo - Como sumiu?
- Sumindo! - disse Chloe exasperada, de repente ela congelou e arregalou os olhos - Ah não! Não pode ser... Justin... o Connor - assim que ela disse o nome dele meu sangue ferveu e um grande nó se formou em minha garganta. Joseph saiu em disparada e Chloe foi atrás dele, eu não conseguia me mexer só passava em minha mente a cena no quarto do hotel quando Connor tentou estuprar Kath. Ela chorando descontroladamente, a raiva me consumindo e a sensação devastada de ver a minha menina com medo estampando em seus olhos.

Katherine Collins POV

Minha cabeça lateja de dor, enquanto Connor gemia e me penetrava. Todas as vezes em que gritei por ajuda, recebi um belo tapa em meu rosto. O espelho, ao meu lado, refletia aquela cena horrível e por isso eu fechava meus olhos fortemente tentando impedir as lágrimas. Quando eu abria meus olhos novamente, me via completamente acabada, a maquiagem escura escorrida embaixo do olhos. Meus cabelos emaranhados e todo arrepiado, meu vestido estava rasgado e no chão. Eu só estava de sutiã e, de alguma forma, parecia ser menos pior.
Quando Connor finalmente chegou ao seu limite, coloquei na minha lista mental de afazeres do dia seguinte: "tomar anticoncepcional", de forma alguma queria engravidar daquele monstro. Sua respiração estava ofegante e em seu rosto permanecia um sorriso satisfeito
- Foi melhor do que tanto imaginei - ele falou rindo. Sem forças para dizer alguma coisa, sussurrei "eu te odeio" a ele que sorriu e me beijou rapidamente - Você é muito mais gostosa do que pensei, Katherine. Bem apertadinha - ele riu malicioso - Bieber tem muito sorte!
Ele começou a se vestir e eu só me encarava pelo espelho. Eu queria me matar naquele momento, só morrendo tudo o que aconteceu ali sairia da minha mente. Connor por sua vez, sorria para as paredes. Queria tanto descobrir os motivos de ele ser tão obsessivo por mim. Antes de sair do banheiro, ele teve a cara de pau de colocar a minha calcinha e deixar meu vestido ao meu lado.
Assim que ele saiu escutei um grito. Era Chloe
- EU NÃO ACREDITO! - o ódio estava estampado no seu modo de falar - EU TE ODEIO CONNOR!
Segundos depois vi Joseph entrando no banheiro, seus olhos se arregalaram quando me viu naquele estado. Ele tirou a jaqueta que usava e me vestiu, não adiantou muita coisa mais foi o suficiente para me livrar do frio que eu sentia. Do lado de fora, Chloe discutia com Connor e só entendi quando ela disse que iria ligar para a polícia. Eu me sentiria tão aliviada se aquele monstro fosse preso. Joe me pegou no colo, sem falar nada, e me levou ate o quarto de Chloe. Ele entrou no closet e me trouxe um short com uma blusa, novamente me vestiu e depois sentou ao meu lado, seus olhos azuis estavam marejados e me encaravam com uma enorme preocupação
- Eu sinto muito... - ele sussurrou, eu não conseguia pronunciar nenhuma palavra, eu estava paralisada e as lágrimas quente descendo de forma descontrolada em meu rosto. Na porta uma figura alta apareceu e eu o reconheci de primeira. Justin. Ele correu ate mim e se ajoelhou ao meu lado, chorando
- Amor, ai meu Deus - ele olhou para o meu corpo e depois voltou a me olhar em meus olhos - O que ele te fez? Me perdoe, Kath. Ele te machucou? Céus eu to me sentindo um completo estúpido - Justin falava rapidamente
- Minha... cabeça ... ta doendo muito - falei baixo e comecei a chorar - Me deixem sozinha, por favor
Justin e Joseph se olharam pela primeira vez. Ambos assentiram e se levantaram, quando estavam chegando na porta eu gritei
- NÃO! Não, por favor! Eu não quero ficar sozinha - junto com medo, percebi, minha bipolaridade falou mais alto - Estou com medo, Justin. Estou com muito medo, Joe!
Eles voltaram e se sentaram na cama, cada um de uma lado. Um enorme silêncio se instalou ali e quando eu quebrei, Justin e Joe me olharam atentamente
- Foi horrível! - sussurrei - Eu ainda não acredito que... ele fez... aquilo comigo. Foi tudo tão rápido, mas quando Connor começou a... me estuprar parece que nunca iria acabar. Me sinto imunda, me sinto acabada, uma completa idiota
- Kath... - Joe sussurrou
- Eu não fui capaz de impedi-lo! - gritei. Justin levantou da cama nervoso e parou virado de costa para mim, vi ele puxar os cabelos e depois passar as mão no rosto - Onde esta Chloe?
- Lá embaixo, cuidando de tudo - respondeu Justin
Novamente um silêncio se instalou no quarto e eu o quebrei, novamente
- Joe... pode me deixar sozinha com Justin? - ele ficou me encarando e depois assentiu. Deu um beijo demorado em minha testa, enquanto Justin nos encarava. Quando saiu, fechou a porta. Eu e Justin ficamos nos encarando por um longo tempo - Vem aqui
Ele se sentou, receoso, ao meu lado. Ainda nos encarando eu implorei a ele
- Me ajuda... me ajuda a esquecer isso
- Eu faria qualquer coisa para te tirar essa lembranças
- Fica aqui comigo, por favor? Não me deixa
- Nunca! - ele se sentou ao meu lado, passou seu braço pelas minhas costas, o abracei fortemente e fechei meus olhos - Me desculpa por ter te ignorado
- Depois conversamos sobre isso - falei e o senti engolindo em seco. Alguns minutos depois, levantei meu rosto e olhei em seus olhos - Eu te amo
- Eu também te amo - me deu um breve selinho e sorriu fraco. Alguém bateu na porta e depois a abriu. Chloe
- Kath... os policias estão aqui - ela falou com a voz esganiçada - Vai querer entregá-lo?


Oi gente :3
To com sono então não vou falar nada, a não ser agradecer 
mais uma vez pelos comentários super fofos :)
Até o próximo capítulo ;*

DIVULGANDO:




25 comentários:

  1. Perfeito...continua...!!!! Quero ver o Justin estourar a cara daquele idiota do Connor >:o

    ResponderExcluir
  2. http://elisabethmod.polyvore.com/ divulga?

    ResponderExcluir
  3. AAAAAAAAAAAAAAA CONTINUAAAA PELO AMOR DE DEUS U.U TA PERFEITA, CARA QUE ODIO DO CONNOR '-'

    ResponderExcluir
  4. Caralhooo continuaaa, não acredito *o* por favor continua <3

    ResponderExcluir
  5. Continua! Ele tem que entregar esse FDP DESGRAÇADO!

    ResponderExcluir
  6. É o imagine mais pft qie eu ja li na minha vida!! Só tenho q te dar os parabens,e continua logo!

    ResponderExcluir
  7. Nhaaa! Eu consegui ler tudo hoje, e sério, ta MUITO perfeito! Você poderia ler a minha também? Sou nova nesse ramo! ~salas~lsa~ Tem apenas 3 capítulos, em rumo pro 4 \õ Te espero lá! Beijo. http://imaginemesninadobieber.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. estrupo? serio? sua fic era tão fofa e legal mas isso foi totalmente ridículo e sem noção, perdeu uma leitora, sou totalmente contra estrupo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpe se você não gostou. O que aconteceu será algo que irá fortalecer mais ainda o namoro de Justin e Kath. Eu também sou totalmente contra estupro, é claro, mas isso é uma fanfic e em uma fanfic tudo pode acontecer. Muitas coias fofas ainda irá acontecer, principalmente quando eles assumirem o namoro. Espero de coração que você continue lendo a fic, mas obrigado por acompanhar a fic até aqui. Na sinopse de Only Best Friends eu deixei claro que Connor iria ser obsessivo, e foi, e apesar de ele ter aparecido somente em dois capítulos ate hoje, ele não iria mais aparecer a partir do próximo.

      Excluir
  9. DIVULGA PRA MIM POR FAVOR http://imaginebelieberjustins.blogspot.com.br/ LEIAM !

    ResponderExcluir
  10. continua estou anciosa pra ler o próximo capitulo ahhhh não aguento esperar .

    ResponderExcluir
  11. Perfeito, nem sou fã do Justin, mas amo a sua fic *_*

    ResponderExcluir
  12. esse Connor é um imundo ! continua amada , ta super viciante .

    ResponderExcluir
  13. continua não aguento esperar to esperando a mo tempão cara ...... to curiosa !!! ta perfeitooo

    ResponderExcluir
  14. chorei igual bebe

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar um comentário. Além de deixar a autora feliz, vai ajudá-la a saber se você está gostando ou não. Se achar algum link que não esteja funcionando nos avise.