21/04/2013

ILWMB: Capítulo 7 - Kissing my brother

| |
"She's just a girl and she's on fire, hotter than a fantasy, lonely like a highway"
(Girl On Fire - Alicia Keys)


Atlanta - Geórgia, segunda-feira, 7:00PM
  Depois de uma noite mal dormida por conta dos meus pensamentos que não saiam de Justin e do que aconteceu em Wichita Falls, eu levantei da cama e fui até o banheiro. Tomei um banho, me vesti, arrumei meu cabelo, me maquiei e escovei os dentes. Agora eu teria que descer e encontrar Justin novamente, coisa que eu estava evitando desde ontem quando chegamos em Atlanta e o pior de tudo era que eu teria que ficar perto dele no caminho até a escola e na sala de aula.
  Desci a escada carregando minha mochila e encontrei apenas Justin comendo seu cereal, enquanto Maggie terminava de preparar meus waffles. Não foi preciso nenhum de nós dizer uma palavra sequer para sabermos que um clima totalmente tenso estava instalado entre nós e que a partir de agora não haveria brigas, brincadeiras e nem palhaçada, apenas a vergonha de nos olharmos.
Charlotte: Minha mãe já saiu? - Perguntei sentando à mesa, ficando de costas para Justin que estava sentado no balcão.
Maggie: Sim, tem alguns minutos. Pediu pra avisar que vai voltar mais tarde hoje. - Falou enquanto me servia.
Charlotte: Ok. - Sorri em forma de agradecimento e comecei a comer meus waffles em silêncio. Assim que Justin terminou ele foi para o andar de cima e eu continuei comendo, enquanto mexia na internet do celular. Logo ele apareceu, segurando sua mochila e com as chaves do carro na mão.
Justin: Estou te esperando no carro. - Assenti. - Tchau Maggie. - Falou e sumiu do meu campo de vista. Terminei de comer e fui para o carro, onde Justin mexia no celular e quando eu abri a porta do quarto o guardou. Coloquei o cinto e ele deu a partida.
Justin: Eu não quero parar de falar com você por causa daquilo. - Falou do nada enquanto dirigia para a escola. - Estava sendo legal ser seu amigo e eu me divertia brigando com você.
Charlotte: Eu também, mas nem consigo te olhar sem ficar com vergonha. - Não o olhei. Eu ainda não tinha coragem.
Justin: Não fique, vamos fingir que aquilo nunca aconteceu. - Me olhou rapidamente.
Charlotte: Vou tentar. - Sorri fraco.
Justin: Você contou pra alguém?
Charlotte: Pra Tracy e pra Caitlin, mas elas não vão contar pra ninguém
Justin: Tomara, porque se isso chegar nos ouvidos da Pattie...
Charlotte: Vamos mudar de assunto.
Justin: Ok. Se você fosse um garoto e quisesse chamar uma garota pra sair, onde você a levaria? - Perguntou e eu ri. - Não ri!
Charlotte: Tá bom, parei. Eu não sei onde a levaria, depende da garota.
Justin: E se fosse uma garota tipo a Wendy?
Charlotte: A Wendy? A garota do clube de música? Tá brincando né?
Justin: Não, porque eu estaria?
Charlotte: Ela parece ser chata e tem uma voz irritante.
Justin: Mas ela é bonita e eu não pretendo namorá-la.
Charlotte: Ah entendi. Você vai chamar ela pra sair, ela vai ficar encantada com você, você vai transar com ela e depois vai fingir que nada aconteceu. Acertei?
Justin: Você é esperta. - Sorriu maroto e eu revirei os olhos.
Charlotte: Ridículo isso.
Justin: Por que? Eu preciso ter uma vida sexual ativa e não quero namorar.
Charlotte: Paga uma puta pra isso.
Justin: Quanto você cobra? - Perguntou.
Charlotte: Hahaha, que engraçado. - Disse irônica. - Só não bato em você porque você tá dirigindo. - Ele riu.
  Seguimos o caminho até a escola com o Justin cantando e quando chegamos novamente os olhares se direcionaram para nós, principalmente quando Justin passou um dos braços pelo meu ombro pra fazer graça e eu pisei no pé dele, caminhando na frente e deixando ele gemendo de dor.
  Fui até meu armário e assim que eu o abri, um papel colorido caiu no chão. Era um convite pra uma festa que ocorreria na próxima sexta. Ótimo, adoro festa, principalmente essas cheias de bebidas alcoólicas e pessoas se pegando.


4 dias depois.

Eu, Caitlin e Tracy dançávamos juntas ao som de uma música eletrônica que tocava. Eu não estava nem um pouco sóbria, acho que ninguém naquela festa estava. Senti alguém se aproximar de mim e dançar junto comigo. Olhei rapidamente para trás e vi que era um dos jogadores de futebol americano idiotas da escola, mas não me importei. Eu estava me divertindo, o que de mal há nisso?
Senti suas mãos na minha coxa, levantando um pouco o curto vestido preto que eu usava. Tirei suas mãos de lá e continuei dançando, mas o garoto insistiu e eu saí de perto dele.
xxx: Que tal irmos pra um lugar mais reservado? - Falou no meu ouvido, me assustando.
Charlotte: Não sei se você percebeu, mas eu estou fugindo de você. - Disse meio embolado por causa do efeito da bebida.
xxx: Qual é gatinha, você nem vai se lembrar amanhã.
Charlotte: Obrigada pela proposta, mas vou ficar aqui mesmo.
xxx: Vamos lá vai ser divertido. - Me puxou para longe de onde eu estava e eu comecei a me debater, tentando me soltar, mas foi inútil pois ele era bem mais forte do que eu.
Charlotte: Me solta seu imbecil! - Eu gritei, mas ele parecia se divertir com o meu desespero. Continuei tentando me soltar e uma hora eu senti as mãos dele se afrouxarem no meu braço, então achei que tinha conseguido, mas na verdade foi Justin que surgiu sei lá de onde e deu um soco no rosto do garoto maníaco, fazendo ele cair. Não sei porque, mas eu comecei a rir daquilo.
Justin: Vamos embora daqui. - Me arrastou para fora da casa.
Charlotte: Mas eu quero ficaaaaar! - Gritei com as mãos para o alto e rindo como uma retardada.
Justin: Você está bêbada. - Abriu a porta do carro e me colocou sentada no banco do motorista.
Charlotte: Você também.
Justin: Pelo menos sei o que estou fazendo. - Entrou no carro e deu a partida.
Charlotte: Eu sei o que estou fazendo. - Cruzei os braços como uma criança mimada.
Justin: To vendo. - Falou enquanto colocava o celular no ouvido.
Charlotte: Vai se fuder. - Ele não me deu atenção, continuou falando no celular. Logo ele virou numa rua e saiu do caminho de casa, mas eu estava com sono e não tinha mais forças pra nada.

[...]

Acordei no dia seguinte com uma camisa enorme e preta do Mettalica e em um lugar que eu não conhecia. Do meu lado dormia Justin, apenas com uma calça de moletom azul escuro. E na minha mente milhares de possíveis coisas impróprias que poderia ter acontecido entre mim e Justin na noite passada. Tentei levantar, mas minha cabeça doía por conta da ressaca e agora por causa do medo de algo ter acontecido entre nós.
Sacudi Justin com força e isso fez com que ele levasse um susto.
Justin: Pra que a violência? - Falou e cobriu o rosto com o lençol.
Charlotte: Bieber, acorda. Preciso saber algumas coisas. - Falei retirando o lençol do rosto dele, mas ele puxou de volta.
Justin: Estou ouvindo.
Charlotte: Primeiro: onde estamos?
Justin: Na casa do Ryan, não poderia te levar bêbada pra casa, então como os pais dele estão viajando, te trouxe pra cá.
Charlotte: Ok. Não aconteceu nada entre nós né?
Justin: Não!
Charlotte: Então porque estamos dormindo na mesma cama?
Justin: Porque eu não iria dormir no sofá enquanto você dorme sozinha nessa cama enorme.
Charlotte: De quem é essa camisa?
Justin: Do Ryan. Acabou o interrogatório? Eu quero dormir.
Charlotte: Deixei a pergunta mais importante pro final. Quem foi que me trocou? - Perguntei e pude ver ele paralisar. - Justin, quem foi que me trocou? - Perguntei mais uma vez temendo pela resposta, mas eu sabia que ia ouvir a que eu não queria.
Justin: É que sabe... você não poderia dormir com aquela roupa... então eu te troquei. - Falou e se encolheu na cama, provavelmente esperando a agressão que ocorreria ali.
Charlotte: Seu desgraçado, aproveitador, tarado! - Gritei distribuindo socos pelo corpo dele, enquanto ele tentava se proteger.
Justin: Eu não podia deixar você dormir com aquela roupa! - Segurou meus braços, me impedindo de matá-lo ali mesmo.
Charlotte: Eu preferia que o Ryan tivesse me trocado! - Falei enquanto ele me prendia embaixo do seu corpo.
Justin: O que que tem de mais nisso? Eu sou seu irmão!
Charlotte: O que que tem de mais nisso? Você me viu semi-nua seu animal! SEMI-NUA! - Gritei.
Justin: Você também já me viu semi-nu e eu nunca reclamei.
Charlotte: Porque você é um tarado. - O empurrei e ele caiu do meu lado na cama. - Minha cabeça tá explodindo, vai procurar um remédio pra mim. - Falei enquanto procurava meu vestido pelo quarto.
Justin: Não sou seu empregado. - Deitou novamente na cama.
Charlotte: Se você não for eu furo seus olhos com esse sapato tá entendendo? - Mostrei o meu salto pra ele, que arregalou os olhos. - E isso é o mínimo que você pode fazer pra mim depois de me ver quase pelada. - Entrei no banheiro e bati a porta antes dele responder. Troquei de roupa, lavei meu rosto, prendi meu cabelo e saí do quarto, encontrando o mesmo vazio. Peguei meu sapato e fui até a cozinha - que eu sabia muito bem onde ficava porque sempre ia na casa do Ryan junto com o resto do povo - e Justin estava mexendo nos armários.
Charlotte: Não achou o remédio? - Perguntei.
Justin: Não, mas eu achei uma caixa de cereal Captain Crunch. (cereal favorito do Justin) - Fechou os armários e pegou leite na geladeira.
Charlotte: Também quero.
Justin: Pode fazer.
Charlotte: Otário. - Falei indo pegar uma tigela.
Justin: Me ama muito.
Charlotte: Você nem imagina o quanto.
Justin: Acho que estamos voltando a ser o que éramos antes da viagem.
Charlotte: Os verdadeiros Charlotte e Justin. - Ele riu enquanto jogava leite no cereal.
Justin: Até que eu estava gostando dos "novos" Justin e Charlotte.
Charlotte: Nós somos uma mistura dos dois. Uma hora estamos nos dando bem e outra estamos quase nos matando. - Rimos.
Justin: E você lembra alguma coisa de ontem?
Charlotte: Só que eu quase fui estrupada e você me salvou. - Ele riu. - Meu herói! - Dei um abraço nele e nós dois rimos.
Justin: Só estava protegendo minha irmã. - Disse e então virou o rosto na minha direção, o que fez nossos rostos ficarem muito próximos, uma aproximação totalmente proibida para dois irmãos. Eu fitava seus olhos, mas logo meu olhar passou para sua boca rosada e extremamente convidativa. Eu realmente queria beijá-lo e até faria isso se ele não tivesse me beijado primeiro. Sua língua invadiu minha boca com rapidez e suas mãos foram até a minha nuca, puxando meu rosto para mais perto, enquanto eu coloquei uma das minhas mãos em seus cabelos. Aquele beijo era proibido, mas era muito bom. Tudo que é proibido realmente fica mais gostoso.

Wow, 3:20 da madrugada e eu escrevendo a parte do beijo pra vocês. Não me matem se ficar ruim, estou com sono :s
Muito obrigada pelos comentários no capítulo anterior, me deixaram muito felizes :D
Agora preciso sair e bem, se quiserem falar comigo, fale pelo ask, Instagram 1, Instagram 2, Twitter 1 ou Twitter 2. Sempre estou on nesses locais ;)
Beijos, até o próximo capítulo, vocês são muito divas, amo vocês <3

36 comentários:

  1. First. Continua. E me segue no tt? @JUSTINDELICIOU2

    ResponderExcluir
  2. Continua
    Hahahaaaha ta muito bom !!!
    E essa parte da camisa ??!?! Hahaha o Justin apanhoou Hahaha !
    Continuaaaa

    ResponderExcluir
  3. Continuaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  4. AI MEU DEUS! OQUE FOI ISSO? GENTE DO CÉU! KKKKKKKKKKKKKK EU RI: " TARADO, APROVEITADOR, ETC " KKKKKKKKKKKK ai sim menina V1D4 LOK4 é zica hahhahaha. Eles dois combinam, o único problema é a Pattie ... mais ... vamos ver no que vai dar hehehehehehe. Por isso continua logo ok? bjss na bunda amor ficou perfeito <3

    ResponderExcluir
  5. que menino tarado, continua

    ResponderExcluir
  6. OMB!quase morrendo com tanta perfeição!serio,ta INCRIVEL!continua DIVA!!!!!

    ResponderExcluir
  7. diva do site, continua pelo amor deus

    ResponderExcluir
  8. Perfeito demais *-* Eles se beijaram, de novo \o/ Isso é bom e ruim, bom porque vamos combinar que eles ficam mega fofos juntos e ruim, porque se a Pattie descobre, vai ser treta. Se bem que eles não são irmãos de sangue, sendo assim, se eles se gostarem de verdade e conseguirem fazer a Pattie ver que isso é verdadeiro, acho que nem tem problemas né... Enfim, continua logo, please!
    Beijkkas linda!

    Ass: Midi dos Santos

    ResponderExcluir
  9. "Charlotte: O que que tem de mais nisso? Você me viu semi-nua seu animal! SEMI-NUA! - Gritei" kkkkkkkkkk morrendo de rir aqui, que menino tarado, essa fanfic é muito viciante, continua

    ResponderExcluir
  10. "Justin: Quanto você cobra? - Perguntou" ai jusus, esse dois sei não, continua logo

    ResponderExcluir
  11. Perfeito continuaaaa !!! - Mari

    ResponderExcluir
  12. ai continua, não demora gata, tá linda demais; Será que eles vão namorar sério? tomara esperando, contando os segundo e os minutos para ver o próximo capitulo...
    ass: Julia

    ResponderExcluir
  13. posta logo? tá perfeita

    ResponderExcluir
  14. aiiiiiiiiiiii que perfeição, continua logo

    ResponderExcluir
  15. diva!!!!!!!!!!!!!!!! continua logo, rápido

    ResponderExcluir
  16. Carai, voce sempre para na melhor parte! Vai se ferrar! Continua logo mano, eu vou morrer.

    ResponderExcluir
  17. continua, doida para ver o que Charlotte, vai dizer

    ResponderExcluir
  18. Continua logo, pelo o amor de deus é muito perfeita essa tua IB!

    ResponderExcluir
  19. continua, sera o que a Pattie vai fazer quando descobrir? ansiosa

    ResponderExcluir
  20. CONTINUA, LOGO, Ñ VOU AQUENTAR

    ResponderExcluir
  21. "Tudo que é proibido realmente fica mais gostoso" da pra continuar ou ta dificil?

    ResponderExcluir
  22. Charlotte: Se você não for eu furo seus olhos com esse sapato tá entendendo? - Mostrei o meu salto pra ele, que arregalou os olhos; nossa que violenta
    continua
    ass Leticia

    ResponderExcluir
  23. OH GOSH ELES SE BEIJARAM :)
    AI EU TO HAPPY :D
    AMEI AMEI AMEI AMEI AMEI <3
    SUA DIVA TA MTO PERFEITO *0*
    CONTINUA LOGO POR FAVOR ...TO MTO ANCIOSA PRA SABER OQ VAI ACONTECER :)))
    BJUS
    VICK

    ResponderExcluir
  24. PUTA QUE PARIU ISSO ME MATA KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK CONTINUA PLMDDS

    ResponderExcluir
  25. eu quero ver eles namorando sério, posta logo, por favor

    ResponderExcluir
  26. amo sua IB, continua?

    ResponderExcluir
  27. amor posta logo, por favpr

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar um comentário. Além de deixar a autora feliz, vai ajudá-la a saber se você está gostando ou não. Se achar algum link que não esteja funcionando nos avise.