01/04/2013

3º Capítulo - Vegas Girl: His House.

| |

Vi a luz do sol invadir o meu quarto, tinha esquecido de fechar a maldita janela antes de dormir. Aliás, por que diabos eu to sentindo tanta dor de cabeça? Não me lembro de ter bebido nada demais.

(...) Alcancei meu celular que estava no criado-mudo do lado da minha cama, já era 15h; tinha uma mensagem do Chaz, ai eu respondi e nós começamos a conversar.

"Não deu pt na festa de ontem? Que bonitinha hein, ta aprendendo. - Chaz."
"Não lembro de nada que aconteceu! :c - Lilo"
"Você tomou duas garrafas de Blue Agave. - Chaz."
"Aquela cara pra caralho? - Lilo"
"Muito mais de 6 mil reais. - Chaz"
"Ta explicado a minha dor de cabeça. - Lilo"
"E você misturou mais um monte de coisa, hahaha. Tava loucona. - Chaz"

Não respondi o ultimo sms, levantei da cama, fui até a cozinha e preparei 2 mistos-quente e suco de uva, então voltei pro meu quarto. Ia ficar deitada o dia inteiro, só sairia a noite.

(...) Comi enquanto assistia The Vampiry Diares, minha série favorita. Quando acabei, dormi mais um pouco, até 18h30 pra ser mais exata. Hoje tinha festa a noite, começaria as 21h, na Tryst. Eu amo aquele lugar, é realmente incrível. E novamente eu iria a trabalho, mas isso é o de menos. 
Tomei um banho demorado, escolhi minha roupa e o sapato (nº5), me maquiei, arrumei meu cabelo, peguei minha bolsa e fui pro carro. Em exatos 37 minutos eu já estava na boate.

Lucy: Olha, Lilo! - Apontou pra uma multidão de gente enquanto eu procurava o que ela queria mostrar
Eu: O que menina?
Lucy: Aquele não é o Ja... 
Eu: Cara, aquele é o Jason! - Interrompi ela quando avistei Jason completamente diferente do que eu estou acostumada. Sai sem falar nada e fui até ele. - O que você ta fazendo aqui?
Jason: E você? Ta perdida? - Bebeu um gole do seu whisk.
Eu: Eu mando aqui.
Jason: Nossa, nossa hein. - Ironizou - O que quer comigo?
Eu: Você sabe o que as pessoas fazem aqui?
Jason: Compram e vendem drogas, bebem, dançam, e ficam se comendo.
Eu: Parece legal?
Jason: Muito. - Riu e segurou meu pulso - Vem comigo. - Me guiou até uma área que era como se fosse vários "quartos". Onde normalmente as pessoas transavam, nojento.
Eu: O que você ta fazendo? - Entramos e ele trancou a porta. - Por que no colégio você é tão diferente?
Jason: Não sou diferente na escola, eu resolvi mostrar quem realmente sou depois que a gente ficou.
Eu: Hm... Você é bem sexy, sabia? - Me aproximei dele, passando minha mão em seu abdomen definidíssimo por baixo da sua camiseta, ele só sorriu malicioso - Você tem muita coisa pra me explicar..
Jason: Mas deixa pra depois! Hoje eu quero fazer outras coisas. - Me puxou pela cintura colando os nossos corpos e me beijou. O beijo era intenso, quente e carinhoso ao mesmo tempo. Era estranho, mas eu gostava daquilo. Com cuidado ele me deitou na cama e foi tirando o meu vestido, óbvio, com a minha ajuda. Joguei meus sapatos em algum canto daquele lugar e ele tirou sua roupa. Abri um pouco a perna e ele começou a lamber minha intimidade e me masturbar ao mesmo tempo, eu gemia alto sem me importar pois ninguém ouviria com tanto barulho que estava na festa. Eu tava muito excitada e queria acabar logo com aquilo, até porque tinha que continuar meu trabalho negociando.
Eu: Ahnnn.... coloca tudo... vai Jason! - Eu gritava de prazer, então ele fez o que eu pedi. De 4, ele penetrou todo o "jerry" em mim, e fazia movimentos vai-e-vem o que me deixava mais excitada ainda. Até que gozamos, juntos. Então me vesti rapidamente e ele também, e voltamos para a festa. - Finge que nada aconteceu. - Pisquei pra ele e sai andando em direção ao Ryan.
Ryan: Pensa que eu não vi você entrando naqueles quartos com o Jason né?!
Eu: Do que você ta falando? - Me fiz de desentendida. 
Ryan: Tá, ó, acho que você não tem mais o que fazer por aqui hoje.
Eu: Ótimo. - Sorri - Posso ir dançar?
Ryan: Pode. - Deu um tapa na minha bunda e eu fui até a pista, parei em frente ao Jason que estava encostado na parede com um drink na mão e um cigarro entre os dedos, 
e fiquei dançando pra ele por um tempo. Era engraçado eu fingindo que tava tentando seduzi-lo, depois ele começou a dançar comigo.
Jason: Quer ir pra minha casa? Tenho muita coisa pra te contar.
Eu: Parece interessante. Vamos?! - Ele assentiu, entrelaçou nossas mãos e fomos andando até o meu carro, iriamos com o meu porque Jason foi de carona com um amigo. Dei partida no carro e fui em direção a casa dele, pois eu já sabia o caminho, mas estava muito trânsito, então estavamos parados quando um homem vestido todo de preto com uma toca-ninja cobrindo seu rosto. 
Assaltante: Abre o vidro, abre o vidro porra! - Gritava freneticamente
Jason: Ai caralho. Acelera Lindsay! 
Eu: Relaxa. - Abri o vidro do carro e olhei pro assaltante sorrindo sínica, eu realmente não tinha medo. - Pois não?
Assaltante: Ah, é você Lilo. Eu não sabia, desculpa.
Eu: Oxe.. quem é você? - Perguntei enquanto ria mentalmente da situação. Como aquele cara me conhece?
Assaltante: O Dan, não lembra de mim?
Eu: Ah sim, claro que lembro. Bom, preciso ir. Tchau. - Sorri e acelerei o carro. Dan... conheci esse cara a uns meses atrás, numa boate, mas não somos amigos nem nada.
Jason: Agora é oficial: Você é louca! - Revirei os olhos e não o respondi, ficamos em silêncio até chegarmos na casa dele. - Entra aí! - Me deu passagem assim que abriu a porta.
Eu: Não tem ninguém em casa? - Sentei no sofá.
Jason: Não. - Sentou do meu lado 
Eu: Tá, acho que você precisa me contar algumas coisas.
Jason: Realmente! Então... Eu era nerd e tal, mas sempre tive esse lado "badboy" dentro de mim, só tinha vergonha de mostrá-lo. Mas aí a gente ficou e eu meio que percebi que deveria ser que nem você. Digo, não me importar com a opinião dos outros.
Eu: Você é um nerd muito gato.
Jason: Ex nerd!
Eu: É, ex nerd! - Rimos
Jason: E você? Por que tão durona?
Eu: Quer mesmo saber?
Jason: Claro, por isso perguntei.
Eu: Minha mãe morreu quando eu tinha 13 anos, então meu pai se casou novamente com uma mulher que só quer o dinheiro dele. Minha madrasta simplesmente roubou meu pai de mim. E roubou todo o dinheiro dele também! Do meu pai eu não ganho nem 10 reais se eu pedir.
Jason: Nossa, isso é ruim. Por isso começou a se envolver com tráfico drogas?
Eu: Sim, e posso te dizer que é uma boa. Ganho muito com isso!
Jason: Não é uma coisa muito segura de se fazer.
Eu: Por isso eu gosto.
Jason: E, você fuma e bebe também?
Eu: É, isso me acalma.
Jason: Entendo. Antes eu te achava meio vadia.
Eu: Não sou vadia, gosto de me envolver com as pessoas, contatos físicos e tal. - Rimos - Brincadeira. Só fico com quem eu gosto, como qualquer adolescente costuma fazer.
Jason: Por que você ta se abrindo comigo?
Eu: Não sei, é como se eu pudesse confiar em você.
Jason: Isso é bom?
Eu: Depende... Se você trair a minha confiança, morre. Simples assim.
Jason: Você não cansa?
Eu: De que? De ser linda? Não, jamais. - Ele riu
Jason: Não cansa de fingir que ta tudo certo, e que é a pessoa mais forte que existe?
Eu: Talvez eu não esteja fingindo. - Sorri com o meu melhor sorriso e ele me abraçou

Admito que aquela conversa tinha me deixado melhor. É bom poder confiar em alguém as vezes! E eu sentia que podia contar absolutamente tudo pro Jason. E os meus conceitos sobre ele mudaram, acredite. Quem sabe ele não possa ser um dos meus mais pra frente?

(...) Jason me abraçou e me fez sentir o que a tempos eu não sentia. Ele tinha um certo poder sobre mim. Eu gostava de estar com ele e quando a gente se beijava, eu desejava que aquele momento nunca acabasse.


Boa noite meus amoress!
Não curti muito esse capítulo, na verdade fiz de pressa só pra vocês não ficarem bravas comigo! Hahaha.
Mas enfim, o que acharam? O que acham que vai acontecer? Me contem nos comentários! :)
E a quem me adicionou no facebook ou me seguiu no twitter: Falem comigo! Hahaha, eu sou muito simpática e legal! \õ/ (porque amor próprio é tudo!)

Facebook / twitter pessoal / twitter fc / ask

Comentários:

Stephanie Estevam: Pronto flor!
Belieber_Zika: Que legaaal! <3
Tieise Kroline: Eu diria que ela é safada ao extremo! hahaha
Jus, my dream ! Imagine&#39;: Hehe, imagina s2
Caroline Carvalho: Que bom q ta gostando!!
Jennifer Piuma: Muuuuito diferente!! Precisamos inovar de vez em quando, não?! haha
Andressa Biebs: Que bom que você ta gostando linda!
Imagine Belieber.: Prontinho! rs
Imagine Belieber - BD: Ta aí flooor.
Pequena do Justin: Seeeeeeerá?? Hm hm, me segue e manda mention amor, aí eu te sigo, senão eu esqueço haha
Fernanda de Melo: Prontoo!!
Evellyn: Mega rápida! hahaha

+ 10 Comentários.


12 comentários:

  1. Mega rapida nao,kkk D-flash. Pq meu Deus,ela a ate transou.com ele,e ele nem.bobo nem nada aproveitou kkkk. Continua

    ResponderExcluir
  2. HAHAHAHAHAHAHA OK FLOR <3 Gente que capitulo #perfeito! esses dois SAFADINHOS HEHEHEHEHHEHEHEHEHEHEHE! EU FICO TIPO: UOOOOOOOOOOOOOOL! EITA! V1D4 LOK4 Essa menina KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK. O Jason, um nerd GOSTOSÃO! ai mano KKKKKKKKKKKK é muito legal :P continua ok? eu vou te seguir ai te mando um tt. Beijos na bunda.

    ResponderExcluir
  3. Nuuuu! Essa ib vai ser MUITO foda! Haha! Coontinuaa prinn' Xoxo. By: Claraa!

    ResponderExcluir
  4. Aaaaaiii a show! Continua ta muito bom! (Leitora nova)
    Bjuju Sarah

    ResponderExcluir
  5. nossa to amando essa IB ta perfeito
    continua flor***-----****

    ResponderExcluir
  6. Wow, wow, wow, wow. Eu quero um Jason pra mim!

    ResponderExcluir
  7. Wooow... :) perfeito sim ou claro? Clarooo kkk
    Continua flor, beijoos <3
    // Beatriz R \\

    ResponderExcluir
  8. Continuaaa...
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Continuaaaa ta perfeito sua diva *o*

    ResponderExcluir
  10. Continuaaaaa, please!Amando cada vez mais!
    Beijos linda!

    Ass: Midi dos Santos

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar um comentário. Além de deixar a autora feliz, vai ajudá-la a saber se você está gostando ou não. Se achar algum link que não esteja funcionando nos avise.