02/10/2012

Hate Or Love: Capítulo 20 - Picnic

| |

Oklahoma - EUA, sexta-feira, 6:50PM
Me olhei [n/a: a terceira roupa] pela última vez no espelho, até que não estava tão ruim. Logo Justin estaria tocando a campainha daqui de casa, então peguei minha bolsa e desci. Meus pais estavam vendo TV na sala, o que é raro acontecer já que todos estão sempre ocupados ou vendo TV no quarto.
Desci sem fazer barulho para que não notassem minha presença, senão iriam ficar me olhando descer a escada e ia ser constrangedor.
Alexa: Mãe, pai, vou sair com o Justin tá? - Só agora eles me olharam.
Scott: Nada disso. Esse garoto não te merece. - Meu pai disse e pude ver minha mãe beliscar ele. Reprimi um riso.
Lisa: Pode ir, querida. Só não volte em casa tarde. - Sorri e fui até eles, dando um beijo em cada um.
Ouvi a campainha tocar logo depois.
Alexa: Deve ser ele. Tchau mãe, tchau pai. - Acenei para eles e fui até a porta. Quando abri encontrei um Justin sorridente e lindo parado do outro lado dela.
Alexa: Você é muito pontual sabia? - Disse sorrindo.
Justin: É, eu sei. Gosto de ser pontual. - Ele sorriu novamente. - Ér, vamos?
Alexa: Sim. - Fechei a porta. Justin me guiou até o carro e nós entramos. Não era Kenny que estava dirigindo, dessa vez eu não conhecia o motorista. - Onde vamos?
Justin: Surpresa. - Ele sorriu. Justin nunca me contava onde íamos e isso me deixava irritada.
Depois de alguns minutos em silêncio, apenas ouvindo uma música que tocava no rádio, chegamos ao tal lugar.
Justin: Você vai ter que fechar o olho. - Disse antes de descermos do carro.
Alexa: Ah  não Justin. Você sabe que eu não gosto dessas coisas.
Justin: Por favor... - Ele fez uma cara de cachorro sem dono, impossível de resistir. Ele sabe ser bem chato quando quer.
Alexa: Tá bom. - Disse e suspirei. Ele riu e colocou uma venda nos meus olhos. - Você pensou em tudo.. - Ele riu baixo.
Justin: Pronto. Vem, eu te guio. - Me tirou do carro e passou um braço em volta da minha cintura e segurou minha mão.
Alexa: Se eu cair você vai ver só... - Ele riu.
Justin: I will cath you if you fall, I will cath you if you fall... - Justin começou a cantarolar e um sorriso involuntário se formou em meu rosto.
Mais alguns segundos caminhando e finalmente tínhamos chego.
Justin: Pronto, vou tirar sua venda. - Disse desamarrando o nó da venda o mais devagar possível.
Alexa: Justin, anda logo! - Disse impaciente.
Justin: Calma, apressada. - Ele riu e eu bufei. - Pronto. Pode abrir os olhos. - Disse e eu fiz o que ele disse, vendo na minha frente uma enorme cachoeira e um piquenique montado em cima da enorme pedra que estávamos. A vista era linda, a luz da lua com as várias luzes que estava espalhadas pelo local deixavam tudo ainda mais perfeito.
Justin: E então? - Disse olhando para mim, esperando uma resposta.
Alexa: Está... perfeito! - Ele sorriu novamente.
Justin: Ainda bem que gostou porque deu muito trabalho pra fazer isso tudo hoje. - Disse sério e eu ri, fazendo ele rir também. - Vem, senta aqui. - Ele sentou na toalha e eu sentei do lado dele.
Alexa: Não é perigoso ficarmos aqui?
Justin: Não, tem vários seguranças espalhados por aí.
Alexa: Você realmente pensa em tudo.
Justin: Tenho que deixar tudo perfeito né. - Sorri. Ficamos em silêncio por alguns segundos.
Justin: Linda né? - Disse olhando a Lua, que refletia na água da cachoeira.
Alexa: Demais..
Justin: Só não é mais linda que você. - Disse e eu sorri tímida. Não que eu seja tímida, mas nós sempre ficamos abobalhados perto da pessoa que amamos.
Justin: Ainda está cedo, mas eu estou morrendo de fome. - Disse levantando e indo até as comidas que estavam sobre a toalha. - Vai ficar só olhando? - Disse enquanto começava a comer uma maçã.
Alexa: Não estou com fome. - Disse depois de dar uma gargalhada.
Justin: Ah, qual é, só uma coisinha. Olha como está magrinha. - Ele pegou um dos meus braços e ficou medindo a largura, me fazendo rir alto.
Alexa: Qual o seu problema? - Disse em meio aos risos.
Justin: Amor. - Disse fitando meus olhos. Juro que senti meu coração parar por um tempo. Seus olhos tinham uma expressão diferente, que eu nunca tinha visto. Depois de alguns segundos apenas olhando um ao outro, senti Justin se aproximar. Uma de suas mãos foram para a minha nuca e logo seus lábios macios tocaram o meu. Um beijo calmo e apaixonado se formou. Nossas línguas travavam uma batalha e não me importaria se o tempo parasse nesse exato momento. Tivemos que nos separar por causa da maldita falta de ar.
Nós sorrimos assim que paramos o beijo e Justin me abraçou.
[...]
Justin: Me desculpa? - Disse enquanto comíamos uma maçã. É, não tive escolha, Justin me obrigou. Disse que quer me ver saudável, forte e blá, blá, blá. Às vezes acho que ele não é normal.
Alexa: Te desculpar pelo que?
Justin: Por ser um idiota e ter te magoado. Eu só fiz burrada e me arrependo amargamente por tudo.
Alexa: Não Justin, você não é idiota. Tá, é sim, mas não faz só burrada. Você é um exemplo a ser seguido e eu tenho orgulho de você. - Ele sorriu.
Justin: Você é perfeita. - Sorri e mais um beijo se formou.
[...]
Justin me deixou em casa por volta das 21h. Eu poderia ter voltado mais tarde, só que Justin disse que não, porque meus pais poderiam ficar bravo com ele por ter me trago tarde, etc..
Quando cheguei, minha mãe e Greyson estavam na sala.
Alexa: Que isso? Estão me esperando? - Ri.
Lisa: Mas é claro, nós queremos saber de tudo. Senta aqui. - Revirei os olhos e sentei onde ela tinha indicado. Eu ia ter que contar de qualquer jeito senão os dois iam ficar me perturbando.
Contei tudo a eles, que ficavam fazendo perguntas o tempo todo e Greyson ainda ficava me zoando.
Assim que eles me liberaram fui pro quarto e mandei uma mensagem pra Steph vim aqui amanhã de manhã.
Fui até o banheiro, tomei um banho rápido e escovei o dente. Vesti um roupão e fui até o closet, para vestir meu pijama.
Deitei na minha cama e dormi, repassando toda a noite na minha mente. De uma coisa eu tenho certeza: eu estou completamente apaixonada por Justin Drew Bieber.

-narrado por Justin B.-
Assim que cheguei no meu quarto do hotel fui direto para o banheiro, cantarolando algumas músicas minhas. Terminei meu banho e vesti uma bermuda. Quando saí do banheiro, dei de cara com a minha mãe sentada na cama, me fazendo levar um susto.
Justin: Que isso dona Pattie, quer me matar? - Disse com a mão no peito e minha mãe riu.
Pattie: Desculpa, não foi minha intenção. E como foi lá? - Disse enquanto eu pegava uma garrafa de água no frigobar.
Justin: Perfeito. - Bebi um pouco da água. - Qualquer coisa que eu faça com a Alexa é perfeito. - Bebi mais um pouco e coloquei a garrafa de volta, sob os olhares da minha mãe.
Pattie: Você está mesmo gostando dela né?
Justin: Demais. - Deitei na cama.
Pattie: Só não quero que faça com ela o que fez da primeira vez. Ela é uma ótima garota.
Justin: Nunca. Ela é muito especial pra mim.
Pattie: Ér, eu não quero acabar com a sua felicidade, mas nós vamos para Paris daqui 2 dias. - Olhei perplexo para a minha mãe.
Justin: Mas não íamos na segunda? Hoje ainda é sexta..
Pattie: Sim filho, eu sei, mas é o seu trabalho. - Levantei e comecei a andar pelo quarto, completamente desesperado.
Justin: Mãe, você vai falar com os pais da Alexa e pedir pra ela viajar conosco.
Pattie: Sim, eu vou tentar, mas não sei se eles vão concordar. - Ela levantou e me deu um beijo na bochecha.
Justin: Pelo menos tenta mãe, por favor.
Pattie: Ok. Amanhã eu vou lá. Boa noite filho. - Disse e apagou a luz do quarto, saindo logo em seguida. Peguei meu celular e mandei uma mensagem pra Alexa:
"Quer ir pra Paris comigo depois de amanhã?" - Fiquei esperando a resposta impacientemente. Estava com medo dela dizer não.
"O que? Paris? Mas é claro! Só tem um probleminha.. meus pais." - Quase pulei da cama quando ela disse que sim. Meu coração batia em um ritmo acelerado só de imaginar nós dois em Paris.
"Eu e minha mãe vamos aí amanhã falar com eles. Agora é só rezar haha"
"Vocês são loucos haha. Vou dormir Biebs, boa noite."
"Boa noite shawty."
Coloquei meu celular em cima do criado-mudo e só então fui perceber que tinha um enorme sorriso em meu rosto. Desliguei o abajur e vários pensamentos sobre Alexa vieram em minha mente. Porque eu fui tão estúpido em abandoná-la? Ela é perfeita e a única garota que me faz ter borboletas no estômago. Eu estou completamente apaixonado pela Alexa.
-fim da narração de Justin B.-


Quem reclamar que esse capítulo tá pequeno vai apanhar u_u Deu muito trabalho pra escrever. Digam o que acharam e o que acham que vai acontecer. 10 comentários pro próximo.
O que acharam da BT? Justin divino como sempre :D
Não vejo a hora dele vim pro Brasil.
Vocês vão na BT?

10 comentários:

  1. PERFECT, POSTA LLG POR FAVOOOOOOOOOR

    ResponderExcluir
  2. primeiraaa !!
    estou muito ansiosa para a BT tabmém , sera perfeita !

    ResponderExcluir
  3. Continua,ta perfeito,awwwnn q fofo oq o Jus fez.Imagina os dois em Paris,owwwnt seria muitoo fofo

    ResponderExcluir
  4. owwt , o de paris pode ser big ? vai dar para abusar bastante da criatividade , Jus adora Paris

    ResponderExcluir
  5. como sempre sua fic tá P-E-R-F-E-I-T-A
    eu tô amando a believe tour, as homenagens pra Avalanna :)
    eu não sei se eu vou pra BT vai depender de muita coisa :(

    ResponderExcluir
  6. Avalanna e Jazzy , Justin é tão perfeito com elas , não só com elas mas com todas ! O selinho dele com as 2 foi tão fofo !!

    ResponderExcluir
  7. wiiiiiiiiiii continua

    ResponderExcluir
  8. greyson é um amor ! kkkk continua amada bjio

    ResponderExcluir
  9. melhoras ai amiga , e linda mesmo a musica do grey . Ele tem 14 anos ?? tomara que voce consiga postar tudo certinho :D

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar um comentário. Além de deixar a autora feliz, vai ajudá-la a saber se você está gostando ou não. Se achar algum link que não esteja funcionando nos avise.